Seja bem vindo, amigo!

Seja bem-vindo, amigo! Seja você também mais um subversivo! Não se entregue e nem se integre às mentiras do governo e nem da mídia! Seja livre, siga o seu instinto de liberdade! Laissez faire! Amém!

Translate

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Decálogo de Lênin - as táticas de tomada do Poder. “Qualquer semelhança com acontecimentos atuais, quase 100 anos depois, NÃO É MERA COINCIDÊNCIA!”.


Em 1913, Lênin escreveu o “Decálogo” que apresentava ações táticas para a Tomada do Poder. Lênin foi o pai do comunismo, sistema governamental que matou milhões de pessoas, nos países que se submeteram à ele. “Qualquer semelhança com acontecimentos atuais, quase 100 anos depois, NÃO É MERA COINCIDÊNCIA. Foram, e estão sendo, muito competentes para acabar com a cidadania e com o patriotismo” e criando autênticos mamadores do dinheiro público, devoradores da justiça e da responsabilidade dos gestores públicos. Leia e aja enquanto der!


1. Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual;



2. Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação de massa;



3. Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais;



4. Destrua a confiança do povo em seus "Líderes";



5. Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo;



6. Colabore para o esbanjamento do dinheiro público; coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior e provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação;

7. Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País;



8. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;



9. Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares infiltrados nos partidos "democráticos" devem acusar os "não comunistas", obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa Socialista;



10. Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

VISITE A BIBLIOTECA DO SUBVERSIVO DO SÉCULO XXI